Aliança

closeup of a representation of the Jesus Christ crown of thorns and nail

Em certo sentido aliança é uma palavra que poderia resumir a mensagem da Bíblia toda. Justamente a Escritura é dividida em Antigo Testamento e Novo Testamento, em que Testamento significa literalmente aliança, isto é, Antiga Aliança e Nova Aliança. Mas qual significado dessa aliança? Na Bíblia aliança é relacionamento. É relacionamento entre Deus o ser humano, baseado na iniciativa do próprio Deus e fundamentado totalmente no amor dele por nós. Quer dizer que não foi o ser humano quem foi ao encontro de Deus, mas Deus veio ao nosso encontro, e, a despeito de todos os nossos pecados e erros cometidos, ele deseja que estejamos em comunhão com ele, porque ele nos ama, e paga o preço do amor dele por nós. A fatura desse relacionamento foi paga por Jesus Cristo na cruz.

E esse tema que percorre todas as páginas da Escritura aparece de uma forma especial no livro de Jeremias. Ele atuou como profeta durante aproximadamente 40 anos, quando o povo de Israel existia apenas como reino de Judá. Durante essas quatro décadas o profeta testemunhou diversas mudanças na vida do povo, começando com um período de prosperidade e reforma religiosa, passando pela progressiva infidelidade do povo para com Deus, culminando na grande tragédia da invasão babilônica em 586 antes de Cristo. Durante esse tempo a mensagem de Jeremias teve uma série de ênfases diferentes, mas sempre com um denominador comum: o fundamento da vida do povo está no relacionamento com Deus, ou seja, a base é a aliança. Afastar-se de Deus é afastar-se da aliança. Fora da aliança o povo perde sua identidade. Fora da aliança o povo deixa de caminhar em parceria com Deus e passa a viver em oposição à vontade de Deus. Por fim, este caminho para longe da aliança possui um único destino: o juízo, a reversão das bênçãos da aliança em condenação, os privilégios da comunhão substituídos pelo castigo de uma vida longe de Deus, e isso tão somente pela escolha do próprio povo. Existe, porém, a possibilidade de retorno. Ela está na conversão. Ela passa pelo arrependimento do povo. Ela baseia-se nas promessas e no amor de Deus, que anunciam o estabelecimento de uma nova aliança, que será estabelecida pela morte e ressurreição de Jesus e o derramamento do Espírito Santo.

Diante disso, meditar em Jeremias sobre a dinâmica do relacionamento com Deus nos ajuda a avaliar como estamos diante desse relacionamento. Nos ajuda a perceber que o que Deus tem para gente é mais do que simplesmente participar de uma instituição, frequentar lugares sagrados, repetir cerimônias ou sentir-se bem consigo mesmo. Deus chama você pelo evangelho a participar de uma aliança com ele. Deus enviou seu filho, e Jesus morreu, foi sacrificado para que você pudesse participar dessa aliança. Participar da igreja é fazer parte da comunidade da aliança. Há um lugar para você nessa comunidade, porque Deus quer que você tenha um relacionamento verdadeiro com ele, crendo em Jesus com seu salvador, recebendo o Espírito Santo, servindo a ele e sendo instrumento de bênção a outros, tanto dentro, quanto fora da comunidade. Isso é viver a aliança.

Book your tickets